Mídias Sociais

Cidades

Búzios é o primeiro município a identificar a linhagem dos tipos de coronavírus que circulam na cidade

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

O município de Búzios foi o primeiro a identificar a linhagem dos tipos de coronavírus que circulam na cidade. A informação, que irá ajudar na avaliação da capacidade do vírus em causar quadros de maior ou menor gravidade na população, foi obtida através do trabalho realizado pelo COES – Centro de Operações de Emergência em Saúde.

De acordo com a analise, os vírus identificados são do tipo 229E, que é uma espécie que infecta seres humanos e morcegos e o tipo NL63, identificada nos Países Baixos, em 2004, que infecta somente em seres humanos.

Os coronavírus são conhecidos desde os anos 60 e estão por toda a parte, sendo a segunda causa do resfriado comum. Cientistas reconhecem sete tipos de coronavírus que atingem os seres humanos. Até 2020, estes vírus não apresentavam graves problemas à saúde humana. Há seis anos o COES de Búzios vem monitorando os vírus respiratórios que circulam na cidade. Este monitoramento é fundamental para determinar ações e diminuir o impacto das doenças na população.

O Centro de Operações de Emergência em Saúde de Búzios, vinculado à Secretaria Municipal de Saúde, é uma coordenadoria analítica de dados e informações criada para subsidiar as decisões de gestores e técnicos na definição das estratégias e ações para o enfrentamento de emergências em saúde pública, como no combate a COVID-19.

Vale lembrar que a população tem papel fundamental nesse enfrentamento ao novo coronavírus, através das medidas de prevenção e higiene. Em caso de sintomas de síndrome gripal, as pessoas devem procurar imediatamente o posto de saúde do bairro para evitar a dispersão da doença.

Mais lidas da semana