Mídias Sociais

Cidades

Búzios e Cabo Frio estão na Categoria “A” do Mapa do Turismo Brasileiro 2019-2021

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

As cidades de Búzios e Cabo Frio se mantiveram na Categoria "A" do Mapa do Turismo Brasileiro 2019-2021. Enquanto Arraial do Cabo garantiu a categoria "B". A classificação que vai de A a E, é utilizada para avaliar o desempenho das economias turísticas locais.

Os municípios inseridos nas regiões do Mapa são considerados, pelo Programa de Regionalização do Turismo do MTur, destinos de vocação turística ou destino de apoio que podem contribuir ou se beneficiar da geração de emprego e renda induzidos pela atividade do setor.

O Secretário de Turismo Paulo Cotias celebrou mais essa conquista do turismo da cidade de Cabo Frio. "Transmiti ao prefeito Dr. Adriano a notícia que é para nós um marco fundamental, pois mostra que os esforços públicos e privados estão gerando um impacto muito positivo na qualificação do nosso turismo. O prefeito nos deu a missão de colocar o turismo como base econômica da cidade e ter uma estrutura hoteleira e de serviços forte e diversificada mostra que estamos todos no caminho certo", disse Cotias.

O secretário de Turismo e Eventos de Arraial do Cabo, Olavo Carvalho, também comemorou e garantiu ainda mais empenho. “Trabalhar intensamente e de forma conjunta com os demais destinos vizinhos é nossa meta prioritária. Objetivo é fortalecer a nossa região turística e desburocratizar os critérios de licenciamentos para legalizar e incluir no CadasTur os meios de hospedagem do município em sua totalidade”, acrescenta Olavo.

 

 

Sobre o mapa - A avaliação, realizada a cada dois anos em todo o país, leva em conta o índice de visitantes, quantidade e qualidade dos hotéis, atrações turísticas, dentre outros itens importantes para o desenvolvimento turístico. Neste ano, os estados e municípios contaram ainda com novos critérios, compromissos e recomendações estabelecidas pelo Ministério do Turismo, entre elas a obrigação de participar em instância de governança e em Conselho Municipal de Turismo (COMTUR) e de um conselho de turismo em funcionamento. Ainda entre os critérios está o orçamento próprio destinado ao turismo e possuir prestadores de serviços turísticos de cadastro obrigatório registrados no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur), do Ministério do Turismo.

Além de avaliar, essa classificação também é responsável por definir os investimentos que devem ser realizados por meio dos programas do Ministério do Turismo. Os municípios bem avaliados e que são incluídos no mapa, passam a receber atenção especial de planejamento, desenvolvimento e estímulo no setor turístico, através de recursos federais.

O novo Mapa do Turismo está disponível para consulta no site www.mapa.turismo.gov.br. Os municípios recebem ainda o certificado digital, que é uma maneira de comprovar a participação da cidade no Mapa que definiu os 2.694 destinos brasileiros que trabalham o turismo como política de desenvolvimento econômico e geração de emprego e renda.

Mais lidas da semana