Quase quatro mil pessoas foram vacinadas em Cabo Frio. 

O Dia D Contra Febre Amarela realizado no último sábado, 27, em todo o Estado movimentou a Região dos Lagos, onde milhares de pessoas puderam se imunizar contra a doença, apesar de não estarem na área de risco.

Em Cabo Frio, foram imunizadas quase quatro mil pessoas, sendo 3.179 adultos e 643 crianças O saldo é considerado positivo, tendo em vista que o município irá superar à meta estipulada.

“A Secretaria Estadual de Saúde definiu como meta para Cabo Frio, a imunização de 172 mil pessoas. Em 2017 recebemos 123 mil doses do Estado, dessas 112 mil foram aplicadas. Para este ano já recebemos 20 mil doses do total de 60 mil previstas, ou seja, devemos imunizar cerca de 183 mil pessoas, mais do que a meta estipulada”, tranquiliza a superintendente municipal de Vigilância em Saúde de Cabo Frio, Lucy Pires.

Vale lembrar, que a vacina faz parte da rotina da saúde do município, ou seja, acontece o ano todo nos postos de saúde em dia pré-determinado e com agendamento prévio. Para se imunizar, basta se dirigir ao posto de saúde no dia definido para a vacina portando a caderneta de vacinação. Importante ficar atento porque nem todas as pessoas podem receber a dose, que pode causar efeitos colaterais. Para quem vai viajar para áreas de risco, vale destacar que a vacina precisa de 10 dias para fazer efeito, e que as pessoas devem evitar exposição ao vírus antes desse intervalo de tempo.

Em Arraial do Cabo, a vacinação também ocorreu de forma tranquila e os postos de saúde do Canaã e Hermes Barcelos, que ficam próximos ao Hospital, foram os que receberam o maior número de pessoas. No total, mais de mil pessoas foram vacinadas.

Vale ressaltar que a cidade recebeu 7 mil doses para a campanha, porém não havia uma meta estabelecida pela Secretaria Estadual de Saúde, tendo em vista que Arraial não faz parte da área de risco da doença. Nenhum caso suspeito de febre amarela foi registrado no município.

E a vacinação continua na cidade, mas para se imunizar, o interessado precisa fazer o agendamento, pois o atendimento acontece de forma alternada nos postos e no Hospital Geral.