Reunião de empresários da iniciativa privada com representantes do Exército Brasileiro discutiu a autorização para embarque e desembarque na Praia das Conchas.

Empresários da iniciativa privada de Macaé, Convention & Visitors Bureau, Federação Convention & Visitors Bureau do Estado do Rio de Janeiro, ACIM (Associação Comercial e Industrial de Macaé), FIRJAN (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro) e RedePetro-BC reuniram-se nesta semana com representantes do Exército local, no Forte Marechal Hermes, para solicitar a autorização para o embarque e desembarque dos passageiros da escuna, na Praia das Conchas.  A autorização foi comemorada pelos empresários.

Durante o encontro foi debatido a importância da indústria do turismo para Macaé e apresentada a rota, autorizada pela Marinha do Brasil, que a escuna vai percorrer até o Arquipélago de Sant’ Anna. O comandante do Forte Marechal Hermes, Major Calado, aprovou a iniciativa e a autorização para o embarque e desembarque próximo à sede do Exército de Macaé.

O passeio de escuna vai percorrer a Praia Campista, Cavaleiros, Pecado até a Lagoa de Imboassica, depois segue em direção ao Arquipélago de Sant’Anna e retorna para a Praia das Conchas. A escuna tem previsão de começar suas atividades no dia 20 de janeiro.

Estiveram presentes ao encontro  Guilherme Braga de Abreu, Presidente do Macaé Convention & Visitors Bureau; Marco Navega, Presidente da Federação Convention & Visitors Bureaux do Estado do Rio de Janeiro; Antonio Severino, Presidente da Associação Comercial e Industrial de Macaé; Evandro Cunha, Coordenador do conselho Municipal da FIRJAN; Vitor Silva, Coordenador da RedePetro-BC; Leonardo Anderson, Secretário de Turismo; e Eraldo Viana, proprietário da escuna.

Daniela Bairros

Crédito: Divulgação