Com a dupla foi arrecadado um revólver calibre 38 com seis munições intactas. Um dos homens confessou a intenção de cometer o crime.

 A ação rápida de policiais militares no bairro Nova Cidade, em Rio das Ostras, na noite desta segunda-feira (13), evitou que uma mulher fosse assassinada. O crime seria praticado por Carlos Augusto Alcântara dos Reis, 24 anos. Segundo a polícia, ele contava com o apoio de Lucas José dos Santos, 30 anos. Os dois foram presos.

A prisão ocorreu depois que uma equipe do Grupamento de Ações Táticas (GAT)  da Polícia Militar foi acionada para verificar uma denúncia de que traficantes de uma facção criminosa iriam executar uma mulher. Carlos Augusto foi avistado pelos agentes na Rua da Fonte e tentou fugir, mas foi capturado após cerco. Durante a abordagem policial, ele confessou que iria matar a suposta vítima e que a arma que seria utilizada no crime, estava na casa de Lucas.

Junto com Carlos Augusto, os militares foram até a residência de Lucas, no mesmo bairro e após vasculharem o local encontraram um revólver calibre 38 com seis munições intactas, além de R$ 250 em espécie. Os dois foram apresentados na 128ª Delegacia Policial de Rio das Ostras (128ª DP), onde foram autuados por porte ilegal de arma de fogo e ficaram presos aguardando transferência para o sistema prisional.

Autor: Bertha Muniz